Notícias
2005 | 2006 | 2007
2008 | 2009 | 2010

Consulta de CEP
Boletins Informativos
RSS
 

" Arquivo Dezembro de 2007 "

Outras Notícias - Dezembro de 2007 (+)

Pinda doa área para empresa ‘ecológica’ que vai gerar 150 empregos diretos

28/12 - 16:47h

A Ecopaper transforma papel e papelão em produto semelhante à caixa de ovo – material que vem substituindo o poluidor EPS (isopor) em milhares de empresas da Europa e leste da Ásia.

Odirley Pereira

João Ribeiro, Álvaro Staut Neto, Antônio Carlos Gomes Nardy, Marcello Duran Cominato e Dirce Duran Ao lado do prefeito João Ribeiro, Nardy assina o recebimento da área

O prefeito João Ribeiro formalizou a doação de uma área de 30 mil m² no Distrito Empresarial do Feital para a Ecopaper – empresa que transforma papel e papelão em embalagens para eletroeletrônicos, auto-peças e móveis, e também em tetos, caixas, e centenas de outros.

Desde agosto de 2006 em Pindamonhangaba, a Ecopaper emprega 30 pessoas, mas a expectativa é contratar mais 120 até julho de 2008.

Um dos sócios, Marcello Duran Cominato, destacou que a indústria deverá triplicar seus investimentos em Pindamonhangaba, chegando a R$ 16 milhões no fim do 1º semestre de 2008. “Escolhemos o município devido às características geográficas, ao amplo apoio da Prefeitura e também porque adoramos o local. Aqui teremos uma grande produção – sendo que 90% dos nossos produtos serão vendidos para Ubá-MG, bom repasse de ICMS à Prefeitura de Pinda, pois a matéria prima é barata, e ainda contaremos com 150 funcionários”.

João Ribeiro comemorou a expansão de mais uma empresa de Pindamonhangaba. “Ficamos felizes em recebermos uma indústria que utiliza métodos ecológicos na composição dos seus produtos e espero que vocês tenham sucesso nas suas atividades e possam continuar crescendo junto com a cidade”.

O outro sócio da Ecopaper, o engenheiro Antônio Carlos Gomes Nardy, explicou os procedimentos adotados pela empresa. “Misturamos papéis com água e adicionamos uma solução química com cola de eucalipto. Em seguida o material vai para uma prensa moldada e, posteriormente, para um contramolde, até finalizarmos em uma estufa. O produto obtido é semelhante a uma caixa de ovo e é o que há de mais ecológico hoje”.

Nardy ressaltou que o produto é leve e vem sendo usado na Europa e leste da Ásia na substituição do EPS (popular isopor) – material que causa danos ao meio ambiente, desde a sua elaboração até o descarte. De acordo com ele, em poucos anos, “as novas embalagens serão usadas em todo o mundo”.

Cominato ainda enfatizou que “a Eletrolux, por exemplo, proibiu o uso do EPS nas embalagens dos seus produtos”.

O encontro contou com a presença do diretor de Indústria, Comércio e Serviços, Álvaro Staut Neto, e da diretora da Ecopaper, Dirce Duran.

 

 

 
 
     
 
 
 
 
 
 
 

Nsa Sra. do Bonsucesso nº 1400, Centro - Pindamonhangaba / SP
CEP: 12420-010
Tel.: (12) 3644-5600
CNPJ: 4522.6214/0001-19