13/03/2020 – Pinda cria comitê e pauta de ações para combate ao coronavírus

13/03/2020

Município encaminha novo caso suspeito para averiguação
Pindamonhangaba criou na tarde de hoje (13) um comitê municipal de enfrentamento à infecção pelo novo coronavirús (Covid-19) com a participação dos profissionais de saúde e técnicos especializados. O primeiro encontro aconteceu no gabinete do prefeito Isael Domingues e contou também com a presença de representantes da Secretaria Municipal de Saúde, UPA Moreira César, Pronto Socorro Municipal, Santa Casa de Misericórdia e Hospital 10 de Julho.
O objetivo do comitê foi antecipar as estratégias e ações que serão tomadas contra a doença, que foi decretada como pandemia pela Organização Mundial de Saúde. O fato ocorreu exatamente no momento em que a cidade notificou a Secretaria de Saúde do Estado de um caso suspeito. A paciente, uma idosa de 71 anos que apresentou os sintomas e preencheu os critérios de caso suspeito, esteve recentemente em viagem pela Itália. A mesma realizou coleta de exames e apresentando bom estado de saúde recebeu alta do Pronto Socorro Municipal, na tarde desta sexta-feira (13) e conforme protocolo do Ministério da Saúde, foi orientada a permanecer em isolamento domiciliar com acompanhamento da Vigilância Epidemiológica.
Durante o encontro foi debatido o atual comportamento do novo coranvírus no município e não tendo, no momento, nenhum caso confirmado e apenas um caso suspeito não serão tomadas medidas proibitivas ou de suspensão de atividades na área educacional e esportiva municipal, onde há concentração de público. Os eventos esportivos e as atividades do ano letivo escolar acontecerão normalmente, seguindo o planejamento anual, até o presente momento. Foi solicitado aos gestores e técnicos responsáveis que sugiram a não participação de pessoas que apresentem problemas respiratórios, tosse, coriza e/ou dor garganta.
O prefeito Isael Domingues ressaltou que embora toda a preocupação do momento esteja voltado à pandemia do Covid-19, “não podemos descuidar em nenhum momento de outras doenças como dengue e Influenza que apresentam um risco de mortalidade maior”.
Seguindo os parâmetros internacionais o pico do novo coronavírus deve acontecer ainda neste mês de março. Pensando num cenário crítico, o comitê fez um levantamento da capacidade instalada de leitos no município (incluindo leitos de UTI), definindo fluxos e procedimentos.
“A Secretaria de Saúde em conjunto com a administração do Pronto Socorro criou fluxo diferenciado de pacientes suspeitos, minimizando o contato com demais pacientes que utilizam os serviços do PS”, afirmou Mariana Prado Freire, secretária adjunta de Saúde.
“Temos uma preocupação grande com os pacientes que apresentam sintomas leves, que embora apresentem uma gravidade menor são pontecialmente numerosos”, afirmou dr. José Renato Schmidit, representante do Hospital 10 de Julho.
A comissão também discutiu medidas para proteger a população de maior risco, que são os idosos, sugerindo desde já, medidas como: evitar aglomerações, uso de transporte público, atividades comunitárias e idas a locais de grande circulação de pessoas.
Principais ações tomadas no primeiro encontro
1- Dinamizar e enfatizar as ações a conscientização à população sobre as medidas de prevenção que devem ser adotadas.
2- Realização de encontros permanentes de análise das notificações e da gravidade do comportamento do novo coronavírus.
3- Intensificar ações nas escolas públicas, unidades de saúde, escolinhas esportivas, envolvendo pais e comunidades, que visam o combate do crescimento do vírus e a adoção de práticas de etiquetas respiratórios, lavar as mãos, utilização do álcool gel, entre outras.
Compartilhar: